Cartuchos e Tonners

Entenda agora como identificar um cartucho original

maio 1, 2019
Tempo de leitura 6 min

Cartuchos originais são peças imprescindíveis para o bom funcionamento da sua impressora. Dessa forma, fornecer ao seu equipamento suprimentos de qualidade garantirá uma máxima produtividade e eficiência na impressão, além de diminuir os riscos de falhas e danos à impressora.

Logo, nota-se que utilizar cartuchos originais do fabricante é de suma importância, uma vez que serão produzidos para desenvolver um melhor desempenho na sua impressora, garantindo melhores resultados. Vale ressaltar, então, que é crucial saber qual tipo de cartucho está comprando, optando sempre pelo original.

Pensando nisso, apresentaremos abaixo como identificar um cartucho original. Continue a leitura e confira!

Como identificar um cartucho original?

Inúmeras são as formas para identificar um cartucho original. Assim, mostraremos, a seguir, as principais a serem utilizadas no momento da compra.

Observe a cabeça de impressão

A maioria das impressoras têm uma peça de borracha, localizada na parte interna, para a limpeza do cabeçote de impressão, que é acionada automaticamente quando a impressora é ligada.

Esta peça causa atrito junto à cabeça de impressão do cartucho, realizando, assim, a limpeza devido ao atrito gerado.

Essa ferramenta retém a tinta presente no cartucho, e, algumas vezes, a tinta acaba sendo cristalizada. Assim, quando a limpeza é realizada na tinta cristalizada, alguns riscos são gerados na cabeça de impressão do seu cartucho. Porém, pode ficar tranquilo quanto a esse “risco”, pois não interfere e nem danifica o seu equipamento.

Após a fabricação de um cartucho original, não se realiza testes de impressão, pois as placas do cabeçote de impressão são folheadas a ouro, proporcionando uma ferramenta livre de riscos quando nova.

Por isso, dá para identificar um cartucho que já tenha sido usado, uma vez que pode ter riscos na cabeça de impressão. Logo, é imprescindível avaliar esse fator no momento de compra, pois um cartucho original sem uso, em hipótese alguma, conterá riscos.

Veja a etiqueta

Em grande parte das vezes, as etiquetas falsificadas são de vinil ou de papel, sendo, assim, super fácil identificá-las quando estiver comprando. Para analisar de maneira efetiva, é importante raspá-las também.

Dessa maneira, as principais diferenças a serem detectadas são:

  • textura, geralmente as falsificadas são mais rugosas;
  • resistência à sujeira, chegando em alguns casos a absorver a tinta;
  • coloração, uma vez que as não originais têm cores mais “lavadas” e podem gerar um reflexo “violeta” contra a luz;
  • aparecimento de mais de uma etiqueta no cartucho (na maioria das vezes ocorre de ter uma etiqueta em cima da outra);
  • a fita azul transparente é mal colocada, podendo estar fora do centro ou, até mesmo, enrugada. Esta fita é usada para proteger o circuito e, além disso, protege a cabeça de impressão contra o ressecamento de tinta.

Vale pontuar, também, que são raríssimos os casos em que os cartuchos falsificados são posicionados corretamente, pois geralmente ficam descentralizados. As etiquetas com material de vinil encolhem, na maioria das vezes, deixando um rastro de cola, como também, perdem parte da sua tinta quando são limpadas com álcool.

Além disso, os cartuchos que não são originais geralmente produzem impressões de texto grosseiras, utilizando fontes extremamente diferentes das originais.

Olhe as diferenças externas

As peças originais são produzidas por meio de um processo que gera custos altos, ponto diferenciador dos falsificadores, uma vez que eles não se dispõem a copiar. Logo, percebe-se que uma das pistas estão evidenciadas na embalagem.

Ao comparar uma falsificada com uma original pode-se notar os seguintes pontos, referentes à embalagem externa:

  • uso de papelões de baixa qualidade — mais fino e mais poroso;
  • impressões de baixo brilho e menor definição;
  • cores fora do padrão;
  • ausência de impressões holográficas;
  • colagem das extremidades de baixa qualidade.

Todavia, vale ressaltar que alguns falsificadores reutilizam as embalagens originais, com o objetivo de “enganar” o consumidor. Para analisar isso de maneira efetiva e não cair em enganações, é necessário verificar as colagens presentes nas laterais. Assim, para diminuir os casos de falsificação, os produtores de cartuchos têm mudado as embalagens constantemente.

Relacionando agora com a embalagem interna, cartuchos que são falsificados apresentam características como:

  • baixa qualidade de impressão;
  • letras de baixa definição;
  • alterações nas cores das impressões;
  • plástico de baixa qualidade;
  • selagem malfeita, apresentando dobras ou falhas;
  • plástico de baixa qualidade, uma vez que apresentam maior transparência e maior opacidade.

Observe alguns sinais de reutilização

O circuito elétrico é um dos apetrechos que é crucial olhar, objetivando verificar se há indícios de uso. Quando o cartucho é inserido na impressora, seus contatos são permanentemente marcados, fator imprescindível para descobrir se já foi usado.

Além disso, outros fatores a serem analisados são os riscos e as marcas presentes nos contatos, como também as oxidações nas bordas de alguns elementos. Estes aspectos são evidências irrefutáveis de falsificação.

Vale notar, também, que os cartuchos em que as tampas, que dão acesso à tinta, são removidas, demonstram evidências de falsificação. Assim, ao realizar essa retirada e ao colocar novamente, marcas ou evidências de colagem são deixadas.

Dessa forma, inúmeros são os pontos que devem ser verificados e analisados no momento da compra do seu cartucho. Ainda que diante de um enorme mercado de falsificação, você não está ileso de se deparar com algum.

O que acontece se utilizar cartuchos falsificados?

Inúmeros são os danos que podem ser causados pelo uso de cartuchos falsificados. Por isso, apresentaremos a seguir os principais.

Cartuchos originais de impressora já foram produtos muito caros, o que facilitou a entrada da pirataria no âmbito de produção. Todavia, hoje esse cenário de preço mudou, pois apresentam valores muito mais acessíveis.

Ainda com essa mudança, inúmeras pessoas ainda optam por comprar cartuchos falsos, aumentando as chances de ocorrer prejuízos.

Os principais danos ou prejuízos que podem ser causados são:

  • danos na impressora;
  • vazamento de tinta;
  • problemas mecânicos;
  • documentos impressos com má qualidade, podendo apresentar falhas ou manchas.

Por fim, vale explicitar que esses danos não acometem somente à impressora, mas também ao comprador, uma vez que os gastos gerados superam valores muito mais altos do que se tivesse comprado cartuchos originais.

Portanto, nota-se como identificar um cartucho original, de maneira eficaz, e a importância de optar por eles em vez dos falsificados.

Gostou do nosso post? Acesse o nosso site e confira também os nossos produtos. Estamos à disposição!

Cartuchos e toners com frete grátis Brasil

    Scroll Up