Fique por dentro dos principais tipos de papel fotográfico e seus usos

Tempo de leitura 6 min

Você passou um bom tempo pesquisando qual câmera e impressora comprar, e também se esforçou para tirar ótimas fotos. Não faz sentido agora carregar a sua impressora com qualquer papel fotográfico que encontrar pela frente. Se você é um fotógrafo que realmente se importa com a qualidade da imagem, então, precisa ser tão sério com a seleção de papel quanto com a câmera e a impressora.

Existe uma enorme variedade de materiais no mercado, e eles estão longe de serem iguais. O fato é que, embora possa parecer nada mais do que polpa de madeira achatada, há muita tecnologia e ciência por trás do papel fotográfico. Descubra, a seguir, como escolher o melhor para as suas impressões!

Características do papel fotográfico

Sua primeira preocupação ao escolher um papel deve ser o acabamento. Alguns papéis são brilhantes, outros têm um acabamento fosco e outros são mais texturizados, como os papéis de arte usados ​​pelos pintores. Veja algumas características para analisar.

Brilho e semibrilho (gloss)

Muitos fotógrafos iniciantes são atraídos por papéis brilhantes, porque as impressões parecem ter cores mais “ricas”. É verdade que, se você está apenas imprimindo instantâneos, os papéis brilhantes ou semibrilho podem ser muito bonitos.

No entanto, o papel gloss cria reflexos que podem obscurecer a sua imagem. Se você planeja enquadrar uma impressão, esse material faz ainda menos sentido, pois terá brilho no papel e no vidro.

Fosco (matte)

Além de não criar reflexos perturbadores, um bom papel fosco oferece pretos mais escuros do que o papel brilhante, o que significa um melhor contraste. Além disso, ele costuma apresentar detalhes mais finos — o que pode ser importante para imagens em que detalhes e texturas são críticos.

Papel acetinado

Outra boa opção para imagens é o papel acetinado (que está entre o fosco e o brilhante). O material é resistente a riscos, arranhões e marcas de dedos. Assim como o papel brilhante, ele é recomendado para porta-retratos sem vidro.

Papel sublimático

Como o próprio nome diz, esse papel fotográfico é utilizado em sublimações. Itens como canecas, camisetas e chinelos podem ser estilizados com essa impressão.

Papel adesivo

Se você deseja uma solução mais prática, o papel fotográfico adesivo é a alternativa ideal, pois ele facilita a criação de álbuns e painéis. No entanto, é preciso adquirir um modelo de impressora compatível, como a HP Sprocket 100.

Dicas para melhorar a qualidade das impressões

Não são apenas os fotógrafos profissionais que precisam trabalhar com o papel fotográfico. Na verdade, o material também é indispensável para:

  • porta-retratos e álbuns;
  • quadros e placas decorativas;
  • personalização de objetos (sublimação);
  • customização de lembrancinhas.

Veja a seguir algumas dicas para melhorar ainda mais as suas imagens!

Durabilidade e longevidade

A longevidade da imagem, geralmente, depende de uma combinação específica de tinta e papel. Se você deseja durabilidade máxima, leia as letras pequenas no manual da impressora com muito cuidado. A maioria dos fornecedores recomenda um tipo específico de papel.

Observe também que, se uma combinação de tinta e papel em particular pode durar 20 anos, isso não significa que no 21º ano a página estará em branco. Esse prazo simplesmente se refere a quanto tempo a impressão pode se manter, antes de começar a exibir mudanças de cor.

Cartucho Original HP XL é na PORTPowered by Rock Convert

Brancura do papel

Alguns papéis são mais brancos que outros, o que geralmente é alcançado por meio da adição de agentes clareadores. Embora não haja nada de errado com um papel muito branco, esses agentes branqueadores podem mudar de cor — às vezes, muito rapidamente.

Isso significa que o papel será muito branco quando sair da impressora, mas em algumas semanas poderá mudar para amarelo, criando uma mudança sutil na aparência da sua imagem.

Se quiser ter certeza de que a sua foto terá a mesma aparência ao longo do tempo, escolha um papel sem branqueadores artificiais. Se o papel for muito branco no lado imprimível, mas não muito no outro, há uma boa chance de que tenha sido iluminado.

Tipo de tinta

O tipo de tinta usado nas imagens precisa ser levado em consideração. Se você não estiver usando tinta da melhor qualidade, isso poderá resultar no desbotamento da cor mais rapidamente. Embora esse desbotamento seja um resultado natural de imagens mais antigas, isso não é algo que deva ocorrer rapidamente.

A escolha do papel certo também dependerá do tipo de tinta, pois mesmo o papel de melhor qualidade não pode fazer com que a tinta de baixa qualidade dure mais tempo.

A melhor saída é seguir as recomendações da sua impressora e, obviamente, adquirir suprimentos originais. Isso não só melhora a qualidade da foto, como também protege o seu equipamento.

Configuração de impressão

Quando estiver pronto para imprimir uma foto, verifique todas as configurações importantes. Você pode pensar que isso é óbvio, mas ficaria surpreso com a facilidade de obter imagens ruins por causa de configurações incorretas.

Diferente de uma folha sulfite, o papel fotográfico foi projetado para ser impresso em um lado específico. Se você imprimir no lado errado, a tinta não será absorvida corretamente e a sua foto não ficará boa.

Também é preciso definir o tipo certo de papel e tinta nas configurações de impressão. Verifique se essas configurações correspondem às especificações na caixa do papel.

Não há problema em configurar a impressora para papel premium e tinta de qualidade ao imprimir em papel comum. Porém, você não pode usar configurações de papel comum ou rascunho ao imprimir em papel fotográfico de alta qualidade.

Tipo de impressora

A tecnologia mais amplamente adotada pela comunidade de impressão profissional é a jato de tinta. A impressão a laser é mais veloz, mas falta a precisão exigida pelas fotografias de alta qualidade. Resumindo, a jato de tinta pode atingir 2880dpi — contra os 720dpi comumente encontrados em impressoras a laser.

Algumas pessoas podem desconsiderar o papel fotográfico em seus trabalhos com imagens, porém, como podemos ver, eles são essenciais para quem busca um resultado profissional. Mesmo que seja para um porta-retratos ou um simples presente, todos nós desejamos uma imagem nítida e durável.

Além de todos os cuidados listados acima, esteja atento também à marca do produto. Marcas renomadas oferecem garantia e todas as informações necessárias para as suas impressões. Para facilitar o seu trabalho, a PORT, que está no mercado desde 1993, reúne os melhores fornecedores para você. Conheça agora o Papel Foto Pimaco Super-Brilho!

PORT, distribuidor oficial ChamexPowered by Rock Convert
Toner Original HP é na PORTPowered by Rock Convert

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Scroll Up